Site reúne imigrantes e cidadãos dispostos a compartilhar suas casas

 em Urbe

O site Refugees Welcome aparece como um exemplo de tolerância e amor em meio a tanto ódio envolvido na crise migratória. Descrito por muitos como o ‘Airbnb para refugiados’, propoe fazer o encontro entre cidadaos dispostos a compartilhar suas casas e pessoas que deixaram seus países em busca de uma vida digna. Criado na Alemanha, o grupo se diz impressionado com o apoio que vem recebendo, e inclusive já tem planos de expandir sua atuaçao para outros países europeus.

Até o momento, já ajudou pessoas vindas do Afeganistao, de Burkina Faso, Mali, Nigéria, Paquistao, Somália e Síria – 780 alemaes se inscreveram e 82 refugiados já estao abrigados em casas de cidadaos locais. Jonas Kakoschke e Mareike Geiling, 2 dos fundadores do site, vivem com Bakari, imigrante de Mali, e ensinam a ele a língua alemã enquanto o visto de trabalho nao chega. Entre os que se dispuseram a receber um refugiado em sua casa estao profissionais das mais diversas áreas – de carpinteiros a consultores de relaçoes públicas –, na faixa etária dos 21 aos 65 anos. A maioria vive em espaços compartilhados, mas há também casais e maes solteiras. Enquanto isso, no fim de semana, milhares de islandeses enviaram uma carta aberta ao governo se oferecendo para acomodar refugiados da Síria.

via Bluebus

Postagens Recentes
Contato Comercial

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar