Interditado depósito clandestino de lixo

 em Goiás +20

Prefeitura foi multada em R$ 20 mil por atividade irregular

Fiscais da Semarh estiveram na tarde do dia 4 em Posselândia, distrito de Guapó, para verificar denúncia de descarte irregular de resíduos sólidos na região. A equipe de fiscalização chegou ao local e encontrou uma vala aberta onde o lixo da cidade estava sendo colocado. O local é um antigo depósito de entulho da construção civil, mas não possuía licença ambiental para que a Prefeitura depositasse lixo doméstico. O depósito foi embargado e a administração municipal multada em R$ 20 mil. A ação foi realizada em conjunto com a Delegacia do Meio Ambiente (Demma).

Esta é a terceira vez que a Semarh atende denúncia do gênero em Guapó nos últimos seis meses. O lixão da cidade também foi embargado por falta de licença ambiental e manejo adequado.

 

Postagens Recentes
Contato Comercial

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar