Frederik Gertten: “Quem gosta de carros deveria amar as ciclofaixas”

 em Comportamento, Urbe

O cineasta sueco Fredrik Gertten não tem medo de tomar partido em seus filmes. Em 2009, ele produziu um documentário sobre como os agrotóxicos em plantações de banana estavam adoecendo trabalhadores na Nicarágua. Dois anos depois, fez um novo filme, dessa vez sobre como era ser processado pela indústria da banana. Agora, ele assume o ponto de vista dos ciclistas em Bikes vs Carros. O filme, gravado em cinco cidades – Los Angeles, São Paulo, Toronto, Copenhague e Bogotá – mostra diferentes realidades do trânsito nas grandes cidades e a luta de ciclistas por mais mobilidade.

Segundo o diretor, o objetivo do filme foi mostrar que existe um conflito, não entre motoristas e ciclistas, mas no planejamento da cidade, que sempre privilegia o lobby das montadoras. Gertten defende a política de ciclofaixas da prefeitura de São Paulo e fala sobre a resistência para a implementação de vias exclusivas para bicicletas. “A gente vê uma reação contra as ciclofaixas porque elas reduziram o espaço para carros estacionarem nas ruas, mas isso é um problema menor. Na prática, mais bikes significa mais espaço para carros. Pessoas que gostam de carros deveriam amar as ciclofaixas”, diz.

Bikes vs Carros é distribuido no Brasil pela Maria Farinha Filmes e estreia em 18 de junho em São Paulo e Rio de Janeiro e 25 de junho em Porto Alegre, Curitiba, Florianópolis, Brasília, Belo Horizonte, Salvador, João Pessoa e Santos.

Postagens Recentes
Contato Comercial

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar