Caça e pesca apreendidas em Aruanã

 em Goiás +20

Na semana que antecede o inicio da Temporada Araguaia, os fiscais da Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) intensificaram os trabalhos de abordagem e monitoramento. Durante o feriado de Corpus Christi, foram lavrados 30 autos de infração, no valor de R$ 20 mil. Também foram apreendidos 240 quilos de pescado, dois jacarés, oito tatus, um pássaro preto, uma paca, três tarrafas, uma rede e um espinhel. Durante a Temporada Araguaia 2014, as equipes vão trabalhar nos postos de fiscalização, nas estradas e no leito do rio, coibindo a caça e a pesca predatórias, o desmatamento ilegal e quaisquer outros crimes ambientais.

A secretária estadual do meio ambiente, Jacqueline Vieira, compartilhou a notícia em sua página no Facebook. Por se tratar de um assunto delicado e, infelizmente, muito recorrente no nosso bioma, faz-se primordial a constante discussão sobre problemáticas ambientais, em busca de consensos e, por conseguinte, soluções viáveis para esses assuntos.

É indispensável a atuação de nomes ligados à política socioambiental e líderes locais como multiplicadores da mensagem, para garantir a difusão dos propósitos de preservação do cerrado e educação da comunidade, tangenciando para um futuro mais sustentável no estado de Goiás.

Postagens Recentes
Contato Comercial

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar