4º ECOS: A contribuição do setor da indústria da construção é muito importante na sustentabilidade do ambiente construído

 em Goiás, Sustentabilidade

Entrevista com Wellington Guimarães de Freitas, organizador do evento

Goiás +20: Como organizador do evento, gostaria que você nos contasse sobre os ideais do SINDUSCON com este evento e como ele vem crescendo ao longo destes 4 anos.

Wellington: Nós estamos trazendo nessa 4º edição do Encontro sobre Construção e Sustentabilidade, o tema Caminhos para a Construção de um Mundo Melhor. Esse tema vem sendo consolidado ao longo das várias ações que o SINDUSCON promoveu nessa promoção de sustentabilidade no ambiente urbano. É a ciência de toda a sociedade que a cada dia aumenta a demanda por novas habitações com mais conforto, então a contribuição do setor da indústria da construção é muito importante nessa sustentabilidade do ambiente construído. E nós estamos imbuídos na promoção desses aspectos de responsabilidade socioambiental por parte das construtoras, por parte dos projetistas que irão elaborar os projetos levando em consideração os aspectos ambientais e os aspectos sociais da habitação. Este evento vem consolidar uma série de ações que a nossa diretoria do meio ambiente vem promovendo ao longo dos anos.

 

Goiás +20: E para quem está direcionado este evento?

Wellington: O evento está construído em três painéis: Cidades Sustentáveis, Negócios e um painel sobre Construção Sustentável. Então, abrange um público muito amplo, pois quando falamos de cidade sustentável, iremos abrangir tanto a sociedade, quanto o meio técnico, porque eles podem contribuir para a sustentabilidade no ambiente construído. Quando citamos Negócios Sustentáveis, falamos da estratégia do negocio para uma gestão com responsabilidade social e ambiental, entrando aí o papel dos diretores técnicos, empresários e representantes da direção. E na parte de Construção Sustentável, entra a parte mais técnica, onde estão inseridos os arquitetos, os engenheiros, os engenheiros de obra e os estudantes, sendo assim o escopo do evento muito grande.

 

Goiás +20: Quais são as perspectivas para o público do evento?

Wellington: Estamos esperando um público de 200 pessoas, podendo até ser maior por se tratar de um público flutuante, com pessoas que virão em painéis diferentes.

Postagens Recentes
Contato Comercial

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar