Empresa holandesa utiliza casca de coco na fabricação de paletes e deixa de utilizar madeira de 200 milhões de árvores por ano 0

Publicado em 28 de Março de 2019

Michiel Vos e Jeroen Jonker, diretores da Coco Pallet O palete é um dos queridinhos da decoração rústica que reaproveita um material já em desuso. Agora imagine um palete que ganha nova vida útil desde sua origem. É disto que se trata a CocoPallet ao criar paletes duráveis, resistentes ao fogo e feitos a partir de cascas de coco. A empresa holandesa aperfeiçoou o processo tendo como inspiração uma técnica indonésia primitiva. O conceito foi desenvolvido em uma parceria da CocoPallet com a Universidade de Wageningen, ambas instituições holandesas. Eles usam uma macromolécula chamada lignina como aglutinante natural, de forma

Supermercado na Tailândia troca plástico das embalagens de hortaliças e frutas por folhas de bananeira 0

Publicado em 26 de Março de 2019

Foto: Facebook / Perfect Homes Chiangmai Sim, nós podemos transformar o mundo em um lugar melhor para vivermos e basta olhar em volta para enxergarmos provas disso. Um supermercado em Chiangmai, na Tailândia, está testando uma alternativa para evitar o uso excessivo de plástico no embalo de frutas e legumes. A solução encontrada pela Rimping Supermarket foi utilizar um material resistente, que existe em abundância, totalmente orgânico e ainda muito bonito: a folha de bananeira. Embrulhar com folhas de bananeira não é exatamente uma novidade para a cultura culinária de países tropicais, como na Ásia. A Índia usa folhas de bananeira para pratos de arroz

ODS 6: ANA lança publicação inédita para acompanhar metas para água e saneamento até 2030 0

Publicado em 25 de Março de 2019

Foto: Unesco   A Agência Nacional de Águas (ANA) lançou no Dia Mundial da Água, 22 de março, o relatório ODS 6 no Brasil – Visão da ANA sobre os indicadores, levantamento que monitora o nível de cumprimento do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável nº 6 (ODS 6), estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) para assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todas as pessoas. São oito as metas dentro do ODS 6, compiladas em um trabalho inédito feito pela ANA com dados de entidades parceiras. A base de informações da Agência sobre água e saneamento no Brasil permitiu o cálculo dos indicadores

Economia circular, novas tecnologias hidrossanitárias e calculadora de consumo são alguns exemplos que contribuem com a preservação da água 0

Publicado em 22 de Março de 2019

Comemorado no dia 22 de março, o Dia Mundial da Água foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1992, durante uma conferência sobre o meio ambiente e o desenvolvimento. A data debate e alerta anualmente sobre alternativas para preservar um dos bens mais importantes do planeta. A escolha de um dia dedicado à água reforça a grande importância desse patrimônio natural na vida das pessoas e no equilíbrio dos ecossistemas. Além de reforçar também a necessidade de conscientizar a população sobre o cuidado e a preservação desse bem, que desde muito tempo vem sendo explorado. A disponibilidade

Primeira usina do Brasil a gerar energia por meio de esgoto e lixo será no Paraná 0

Publicado em 19 de Março de 2019

Biodigestor alemão (Divulgação/CASACOR)   O estado do Paraná será o primeiro do Brasil a receber a construção de uma estação de geração de energia por meio de esgoto e de lixo orgânico, uma usina de geração de biogás, que transforma os resíduos em eletricidade para abastecer as casas da região. A licença para a operação foi dada pelo Instituto Ambiental do Paraná à empresa CS Bioenergia. Segundo a companhia, a usina terá capacidade para produzir 2,8 megawatts de eletricidade por meio de lixo, abastecendo cerca de duas mil residências do Estado. A matéria-prima para geração de energia virá de estações

Caroço de abacate vira talher biodegradável no México e é nova aposta sustentável no mercado 0

Basta enterrá-los no solo que eles se degradam em 240 dias Folhas de árvores podem virar pratos, amido de inhame é usado para criar canudos e banana verde se transforma em diversos tipos de recipientes ecológicos. Estamos falando apenas de algumas das possibilidades que têm surgido para amenizar o impacto que produtos descartáveis têm causado no meio ambiente. Atenta ao mercado, a empresa mexicana BioFase está apostando em um subproduto bastante conhecido pelos brasileiros: o caroço de abacate. A empresa acaba de lançar talheres e canudos fabricados com matéria-prima ecológica em 60% de suas composições e outros 40% são formados

Parque das Acácias, em Brasília, será o primeiro empreendimento do país com carregadores para carros elétricos 0

Publicado em 26 de novembro de 2018

Fotos: Bruno Cavalcanti    A Emplavi lançou na sexta-feira (23), para a imprensa, seu mais novo empreendimento residencial, que visa ampliar o conceito de sustentabilidade inerente ao Noroeste e incentivar a Mobilidade Sustentável no DF. Trata-se do Parque das Acácias, iniciativa pioneira no Brasil que trará estações individualizadas de recarga para carros elétricos (uma para cada apartamento), o “Home Charger. A novidade reforça a preocupação da construtora com o desenvolvimento sustentável da capital, onde as emissões de CO2 relacionadas aos transportes são responsáveis por mais de 70% da poluição urbana. No empreendimento, cada proprietário terá uma vaga de garagem

Cidade do México combate a poluição com a construção de jardins verticais 0

Publicado em 13 de novembro de 2018

Fotos – Prefeitura da Cidade do México Mais de mil pilares de viadutos já foram transformados pelo projeto Via verde na Cidade do México. O cinza foi substituído pelo verde dos jardins verticais de um projeto chamado Via Verde. A primeira etapa do projeto foi inaugurada em julho de 2016, pela Prefeitura Municipal, e em 2018 atingiu mais de 60 mil metros quadrados de jardins espalhados pela cidade, com toda a estrutura feita a partir de material reciclável. A proposta do projeto é promover uma melhor qualidade do ar e dar cara nova a paisagem urbanística. Além de embelezar

Fórum de Cinema debate feminismo e modernidade no cinema brasileiro durante o Fica 2018 0

Publicado em 5 de junho de 2018

Por Manuela Costa   O Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental celebra 20 anos de legado com a presença de grandes nomes do cinema brasileiro. Nesta edição, os cineastas Walter Carvalho, José Vilamarim e George Moura, diretores e roteiristas da série global Onde nascem os fortes, participam do Fórum de Cinema no sábado, 09/06, para uma discussão sobre os novos rumos da dramaturgia brasileira. O festival também contribui para a mudança do cenário de gênero no audiovisual com uma mesa de discussão na sexta-feira, 08/06, encabeçada pela atriz Bruna Linzmeyer e pelas cineastas Laís Bodanzky e Susanna Lira.